Segunda-feira, 26 de Maio de 2008
A minha mae faz anos hoje!!!!

Nao mae. Eu nao me esqueci de ti. Aprendi a viver sem ti isso sim.

Nao morreste.Pelo menos fisicamente. Mas abandonaste-me. Completamente.

E eu nao merecia.Escreveste na mensagem do teu mensager "lembrar-me de quem me ama, esquecer-me de quem me despreza".

Nao te desprezo. Nem pensar. Mas cresci. E ja nao tenho necessidade de ter a tua aprovaçao para todas as minhas decisoes. E tu nao aprendeste ainda que eu preciso de ti como uma filha sempre ha-de necessitar da mae.

Mas nao me queres. E eu resigno-me.

Ao menos sei aquilo que nunca farei a minha filha.

Se ela um dia tiver de cair para aprender uma liçao entao que caia,mas eu estarei sempre lá para a levantar.

Jamais a deixarei no chao como tu me deixaste.

 

 

 

 


sinto-me: Abatida.
tags: , ,

publicado por finalmente feliz às 10:22
link do post | comentar | favorito
|

20 comentários:
De pingodemel a 26 de Maio de 2008 às 14:00
olá...
...bem , o texto que aqui colocas mexe comigo... dou-me muito bem com a minha mãe e ver esta situação que tens com a tua, faz-me confusão...dizem que as mães estão sempre connosco para o bem e para o mal ... espero que a tua ainda vá a tempo de se lembrar disso ...


De finalmente feliz a 26 de Maio de 2008 às 14:10
Durante muito tempo acreditei que sim.
mas ja deixei de acreditar.

jocas


De lovenox a 26 de Maio de 2008 às 15:47
Este texto é talvez dos textos que mais triste me deixou desde que ando na blogosfera.
Tambem tenho mãe, tambem nunca tive um relacionamento fácil com a minha mãe, maus tratos foram uma constante na minha vida.
Mas desde há uns anos para cá, a minha mãe precisa de mim, e eu estou lá, presente na vida dela, ajudando-a, agradecendo-lhe por aquilo que não fez por mim, perdoando.
Tenho a certeza que no teu coração, há lugar para perdoar, e há amor pela tua mãe.... saber perdoar, é como um parto, ás vezes é muito dificil e dói muito, mas grandes são aqueles que o sabem fazer.
Beijocas.


De finalmente feliz a 26 de Maio de 2008 às 16:30
falo com muita mágoa.mas conheço-me ,cada vez melhor e sei que se um dia a minha mae precisar serei a primeira a tirar o pao da minha boca para a dela.
obg pelas tuas palavras e bjocas


De cindamoledo a 26 de Maio de 2008 às 20:12
Triste história a sua. Fiquei triste mesmo. Uma mãe deve ser amiga, conselheira, protectora, enfim deve de ser AMOR, foi isso o que a minha querida mãe, que já me deixou à cinco anos, foi. É isso que eu sou para as minhas queridas filhas, tudo o que tenho dentro de mim é para elas, AMOR. Mas infelizmente nem todas as mães são assim, à que saber perceber os motivos e se for o caso saber perdoar. A amiga diz que tira o pão de sua boca para dar a sua mãe, é bonito, é bom saber que tem bom coração. A sua filha tem uma mãe cheia de AMOR. Bjs cinda


De finalmente feliz a 26 de Maio de 2008 às 21:12
Por vezes receio que pensem que eu me estou a armar em vitima.Nao estou.Sei que a decisao que levou os meus pais a nao me dirigirem mais a palavra faz qualquer pai triste.Um divorcio é sempre traumatizante para todos.Mas entendo que nao era razao para me abandonarem.Se nao fossem amigos tinha passado fome.Hoje sei que sou amada.Amada incondicionalmente.Fui e sou hoje tratada como uma filha.Pessoas que nunca tinha conhecido tratarm-me e tratam como a uma filha e a minha filha como a uma neta.Apesar de tudo estou finalmente feliz.
beijinhos e obg pelas tuas palavras.


De magofra a 27 de Maio de 2008 às 10:50
Olá é a 1ªvez que te visito e fiquei triste por não poder emprestar te a minha mãe . ELA (a minha mãe ) é para mim o exemplo aquilo que eu quero ser um dia . Coragem pois como diz o ditado NÃO HÃ MAL QUE SEMPRE DURE. Por isso um dia ainda vais ter aquilo que tanto queres a tua MÃE do teu lado .
Beijocas GORETE


De finalmente feliz a 27 de Maio de 2008 às 21:08
ola
nao sou propriamente religiosa mas Deus permita que tenhas razao e que um dia a minha mae queira pelo menos conhecer o neto que estou a tentar dar-lhe.

jocas


De Genny a 27 de Maio de 2008 às 13:57
Acho que certos pais nunca vão entender que os filhos também precisam de ter a sua vida e não podem ficar agarrados a casamentos infelizes só porque parece mal o divórcio. Sofreste, caíste mas agora encontras-te no bom caminho para agarrar a felicidade. Tenho a certeza que tiras uma boa lição desta triste história: dar imenso amor a apoio à tua filha.
Sê feliz!


De finalmente feliz a 27 de Maio de 2008 às 21:10
ola querida .ja tinha saudades tuas.
devemos sempre tirar uma liçao de tudo o que nos acontece.De bom e de mau.A minha liçao é nunca mas nunca e aconteça o que acontecer , deixar a minha filha sozinha.

bjinhos


De olha_por_mim a 27 de Maio de 2008 às 17:10
Olá!!!
Em 1º lugar venho agradecer a visita q fizeste ao meu blog...obrigado pelo comentário...
Quanto ao post...é triste haver mães ou pais assim...não percebo porque fazem sofrer os próprios filhos...mas vais ver que tudo vai passar e ainda vão ser grandes amiga...
Beijocas grandes


De finalmente feliz a 27 de Maio de 2008 às 21:12
ola
gostei muito do teu blog a serio .
estou desiludida sabes? pois se ha pessoas que nunca pensei abandonarem-me sao os meus pais.E foram logo os 1ºs.
mas sobrevivi e ca estou eu para continuar em frente.

bjocas


De Cássia a 28 de Maio de 2008 às 15:52
Olá
Dou-te os meus parabéns por teres conseguido ser forte para ultrapassar essa fase da tua vida, na verdade não sei se conseguirei ser tão forte como tu pra me levantar e continuar se por acaso os meus pais me abandonarem quando eu realmente tiver coragem para seguir com o meu divórcio. Gosto de ler pessoas como tu, ajuda-me a ter força para enfrentar o meu dia a dia.
Beijinhos e espero que sejas muito feliz.
Voltarei ao teu blog, porque gostei:)


De finalmente feliz a 29 de Maio de 2008 às 09:37
ola e desde ja o meu obg pela visita.
hoje estou bem e feliz mas passei por muito.Mas o meu conselho, se é que eu sou alguem para os dar, é nao desistas a nao ser que tenhas a certeza absoluta que queres sair do teu casamento.Eu tive.Alias ha dez anos qd estava a dizer o sim sabia que ia ter um fim.Só nao sabia quando.Mas a pressa em sair de casa e ser independente era muita e nao pensei direito.Tambem com 20 anos nao se pensa ,faz-se.
No entanto divorciar-me foi o melhor que podia ter feito.Foi dificil e continua a ser nao ter ninguem da minha familia ao meu lado.Mas tenho a minha filha e uma pessoa que me ama e a quem eu amo.Agora sim vou casar por amor.Unica e exclusivamente por amor.Sinto que esta certo.
Lembra-te que Deus fecha-nos uma porta mas abre-nos uma janela.A primeira pessoa em que tens de pensar é em TI.

vai correr tudo bem.bjocvas e desculpa ter-me alongado.


De Cássia a 29 de Maio de 2008 às 10:25
Olá novamente:)
Tal como tu casei sem ser por amor, e também sabia que o divórcio iria acontecer mais cedo ou mais tarde. Não casei há 10 anos mas desde há 10 anos que o meu coração pertence a alguém e é por esse alguém que tenho a certeza do fim do meu casamento, porque com ele serei feliz. É uma longa história que se desenrolou durante estes 10 anos com encontros e desencontros, mas que agora não dá mais para evitar o destino e é por ele que ganho força pra levar meu dia a dia. Sei que se ficar sem o apoio da minha familia, terei o apoio do meu amor, mas certamente serão momentos bem difíceis.
Agora sou eu que peço desculpa por me ter alongado:)
Voltarei ao teu blog, gostei muito de ler-te.
Beijinhos


De finalmente feliz a 29 de Maio de 2008 às 12:00
Volta as vezes que quiseres .Aqui és sempre bem vinda ,independentemente de seres casada junta namorada ou o que te apetecer.Desde que estejas bem e no que eu te puder ajudar ja sabes.....

beijinhos e fica bem.


De daniela duarte a 29 de Maio de 2008 às 17:36
so espero que deus nunca feche essa janela!!! Um dia, se precisares de alguem eu quero ver se é a tua familia VERDADEIRA ou os teus amigos que vao te ajudar. Prima so tenho pena que num espaço tão pequeno tenhas mudado tanto. fazes e dizes coisas absurdas!!! Gosto muito de ti mas estou triste So espero que a minha tia, um anjo de pessoa te perdoe! Nunca te esqueças... MAE É MAE !!!!!! beijinho


De finalmente feliz a 29 de Maio de 2008 às 23:14
Olá para ti também .
um dia se eu precisar?!!! já precisei querida. E não tive ninguém que me deitasse a mao.Ninguem A tua querida tia mandou-me uma msg no meu dia de anos a dar-me os parabens.Nem bom natal me desejou e tu vens falar-me em anjo de pessoa? O que fiz eu para ser ignorada? divorciei-me? Realmente é um crime.Vou ja meter-me de livre vontade na prisao.Como ousei eu querer ser feliz? Como ousei eu ir contra a vontade da familia e dos meus pais?Ousei sim.E sabes porque nao vou precisar deles? Porque ja nao conto com nada.Ja nao espero nada.
O respeito tem de ser recíproco:se me respeitarem eu respeito.E lá porque somos pais de alguem nao quer dizer que nos é devida obediencia cega.é o dever de um pai ou de uma mae tomar conta dos seus filhos.Nao deixar de lhes falar só porque decidiram tomar um rumo diferente nas suas vidas. Eu mudei de rumo.quem nao me quis ajudar a remar para outro lado ,saltou fora e foi o que todos fizeram.

fica bem


De touaqui42 a 28 de Maio de 2008 às 20:26
Minha amiga.
Infelizmente são situações da VIDA de um qualquer SER HUMANO.
Infelizmente fostes TU.
Mas as mães são sempre aquelas que olham pelos seus filhos com aquele carinho.
Claro que existe MÃES e mães.
A minha infelizmente já partiu, uma lutadora da VIDA, mas quanto mais se luta nesta VIDA menos tempo temos para olhar para os nossos familiares.
A sua sempre terá a sua mão para a levantar.


De finalmente feliz a 29 de Maio de 2008 às 09:40
ola caro amigo
obg pelas suas palavras.E sim, é das poucas certezas que tenho na vida:aconteça o que acontecer, a minha filha terá sempre a mae ao lado dela.Nao atras nem á frente mas sempre ao seu lado.

jocas


Comentar post

.quantos andam a cuscar?
online
.eu sou assim
.Como o tempo passa.

Maia

.quem pôs cá os dedos
Contador de visita
Contador de visita
.contos e ditos

. Livro de Instruçoes pleas...

. Quando mais precisamos......

. Exorcizar o que nos vai n...

. Meu Deus se te perco....

. Aos estúpidos que pululam...

. Nao valeu de nada o Papa ...

. oh pá é que nao ha mesmo ...

. Filhos poderosos.

. Admirando-me

. Tantos medos ...tantas al...

.Abril 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.tags

. todas as tags

blogs SAPO
.subscrever feeds